PANDEMIA: MP de Rondônia vai investigar políticos acusados de supostamente “furar” a fila da vacina contra o Coronavírus

 

PANDEMIA: MP de Rondônia vai investigar políticos acusados de supostamente  “furar” a fila da vacina contra o Coronavírus

Procedimento foi instaurado pelo promotor de Justiça Felipe Miguel de Souza. Confira a íntegra do documento

Porto Velho, RO – O Ministério Público de Rondônia (MP/RO) determinou a instauração de inquérito civil público a fim de apurar denúncia relatando suposta violação à fila da vacina contra o Coronavírus (COVID-19/SARS-CoV-2) em Guajará-Mirim.

Políticos e outas pessoas estariam passando à frente dos grupos prioritários.

Em parte do documento de deflagração do procedimento assinado pelo promotor de Justiça Felipe Miguel de Souza são mencionados como exemplo tanto a atual prefeita Raíssa da Silva Paes, conhecida como Raíssa Bento, quanto seu companheiro, Antônio Bento do Nascimento, secretário municipal de Obras.

O órgão de fiscalização e controle também anota eventual desrespeito à fila hipoteticamente praticado por um ex-vereador.

Por fim é citado um casal comum de odontólogos: o marido seria servidor público municipal de Guajará-Mirim segundo a descrição dos fatos narrado pelo promotor Felipe Miguel de Souza.

O membro do MP/RO já agendou reunião para o dia 25 de junho para tratar sobre o tema.

No momento oportuno, se judicializada a demanda, todos os envolvidos terão direito ao contraditório e ampla defesa. Os envolvidos poderão, se for o caso, responder pela prática de improbidade administrativa.

VEJA A PORTARIA DO PROCEDIMENTO:

Fonte: Por Rondoniadinamica

Foto: IMAGEM ILUSTRATIVA

Da redação do hojerondonia

Postar um comentário

0 Comentários