Saulo Moreira será empossado na vaga de Edson Martins após decisão do Supremo Tribunal Federal

 

Saulo Moreira será empossado na vaga de Edson Martins após decisão do Supremo Tribunal Federal

Edson se segurava no cargo por conta de uma reclamação feita por ele ao Supremo

Horas após ter seu pedido de posse negado através de uma liminar do Tribunal de Justiça de Rondônia, o suplente Saulo Moreira recebeu a melhor notícia do dia: ele ficará com a vaga de Edson Martins por conta de uma decisão do Supremo Tribunal Federal (STF).

Edson se segurava no cargo por conta de uma reclamação feita por ele ao Supremo que não viu irregularidade alguma em seu julgamento pelo STJ, onde condenado irrecorrivelmente por improbidade administrativa, na época em que era prefeito de Urupá.

Saulo deve entrar com um pedido ainda hoje no Pleno do Tribunal com um agravo em Mandado de Segurança no mesmo processo que negou sua posse, para assumir a vaga. Edson  Martins teve decretada suas funções públicas em último grau desde 19 de março desse ano.

É possível que a posse de Saulo aconteça ainda hoje, caso o Tribunal defira seu pedido nesta sexta-feira 11.06. Quando assumir o cargo, Saulo já entra pressionado, pois teve seu registro cassado pela Justiça Eleitoral por compra de votos e aguarda julgamento de recurso no TSE.

Caso não se sustente na vaga, a cadeira poderá ser assumida pelo ex-secretário de Saúde, Williames Pimentel.

Edson e outros ex-gestores da cidade de Urupá, região central do Estado, foram condenados por fraude em licitação.

Saulo Moreira

A banca de advocacia que representa Saulo Moreira conversou com o Rondônia Dinâmica na manhã desta sexta-feira (11). Sua defesa não crê que o juiz despache a solicitação hoje.

“[…] talvez até segunda ou terça-feira. E e situação do Pimentel [citada acima] não procede, porque o caso julgado aqui contra o Saulo Moreira ainda demanda análise pelo Tribunal Superior Eleitoral (TSE). E pela fragilidade do caso certamente temos alta probabilidade de reverter”, pontuou um dos causídicos.

Fonte: Por Rondoniadinamica

Da redação do hojerondonia

Postar um comentário

0 Comentários