Senadores de Rondônia votam a favor da privatização da Eletrobrás; há risco de apagões e alta

 


Os senadores rondonienses, Marcos Rogério e Confúcio Moura, votaram a favor da privatização da Eletrobrás. O senador Acir Gugarcz esteve ausente. Com a aprovação da privatização da Eletrobras pelo Senado, nesta quinta-feira (17), devem aumentar ainda mais as críticas aos prejuízos para os consumidores brasileiros, como risco de apagões e alta nas tarifas de energia. O governo Getúlio Vargas enviou em 1954 ao Congresso o projeto de criação da estatal, que só viria a ser criada em 1962. Antes, a geração e a distribuição de energia cabiam basicamente à iniciativa privada. O setor era repartido entre a americana Amforp e a canadense Light, que concentravam seus esforços no abastecimento das grandes cidades do país.

Fonte: Folha dos Municipios.

Postar um comentário

0 Comentários