Diretor do DER não gosta de críticas de vereador e o acusa de pedir cargos



O diretor-geral do DER, Elias Rezende, não gostou das declarações do vereador de Jaru, Marcos Machado Miranda (PTB), e o acusou de “legislar em causa própria” ao pedir cargos no Governo Marcos Rocha.

O imbróglio começou porque o parlamentar discordou de uma moção de aplauso ao DER pelas obras executadas em Tarilândia, distrito de Jaru. Para Marcos Machado, o governo fez sua obrigação e não merece ações públicas de gratidão.

O fato irritou o diretor do DER que passou a acusar o vereador de exigir cargos em troca de apoio. Marcos Machado foi à tribuna e disse que o diretor é “fraco” e não fala a verdade. Com informações do site Jaru On Line.

Postar um comentário

0 Comentários