LISTA DO CRIME - Delegacia de Homicídios divulga nomes de foragidos na capital



A Delegacia de Homicídios de Porto Velho divulgou, nesta sexta-feira (3), uma lista contendo nomes e fotos de foragidos da justiça. Entre eles, estão autores e mandantes de homicídios ocorridos na capital. Em desfavor deles, existem mandados de prisão expedidos pela justiça.

A Polícia Civil solicita à população o envio de informações de forma anônima que possam ajudar na localização dos foragidos, por meio do Disque Denúncia 197.



Tiago Alves Sodré Vieira, 27 anos, acusado de matar o próprio irmão Lucas Alves Sodré, 21 anos, a facada, durante uma discussão, na madrugada do dia 14 de julho deste ano, em um sítio, localizada no setor chacareiro, no Bairro Jardim Santana, na Zona Leste de Porto Velho.

Ericon Fernando Fernandes Guimarães, 26 anos, e Mayson Vitoriano Auzier, 34 anos, acusados de terem participação na morte do delegado José Valney Calixto de Oliveira, ocorrido na noite do dia 24 de Julho deste ano em uma chácara, na estrada dos Periquitos, na Zona Leste da capital. Rafael Simão da Silva, 37 anos, também foi morto no local.

Miltom Cezar Kalkmann, 45 anos, acusado de matar a ex-namorada com vários golpes de faca nas costas. O crime aconteceu em 2012, no Bairro Nova Esperança, na capital.

Hiasmim Carvalho, acusada de ter participação na execução a tiros de Jader Feijó Falcão, ocorrido na madrugada do dia 8 de maio de 2019, no residencial Orgulho do Madeira, na Zona Leste de Porto Velho. Ela também é acusada de participar de outro homicídio.

Gedeon José Duque, acusado de ter participação nas mortes do tenente José Figueiredo Sobrinho, e do sargento Márcio Rodrigues da Silva e nas tentativas de homicídio praticadas contra outros seis militares. Os crimes aconteceram no dia 3 de outubro de 2020, na fazenda Nova Brasil, em Mutum-Paraná, distrito da Capital.

Patrick Gasparino Cardoso, também é investigado nas mortes do tenente José Figueiredo Sobrinho, e do sargento Márcio Rodrigues da Silva e nas tentativas de homicídio praticadas contra outros seis militares, no dia 3 de outubro de 2020, na fazenda Nova Brasil, em Mutum-Paraná, distrito da Capital. Contra existem mandados de prisão por vários crimes.

Rafael Fonseca de Paula, de 32 anos, acusado de ter participação nas mortes do tenente José Figueiredo Sobrinho, e do sargento Márcio Rodrigues da Silva e nas tentativas de homicídio praticadas contra outros seis militares, no dia 3 de outubro de 2020, na fazenda Nova Brasil, em Mutum-Paraná, distrito de Porto Velho.

O casal Monica Figueiredo Jorge, 27 anos, e Rennel Calixto dos Santos, 21 anos, segue sendo procurado pela Polícia. Os dois são acusados de serem os mandantes da morte de Marcos Roberto Cerqueira de Souza, 29 anos. A vítima foi encontrada morto na noite do dia 25 de março deste ano, no setor chacareiro do Bairro Jardim Santana, na Zona Leste de Porto Velho. Ele estava com pés e mãos amarrados.

Erivaldo Lima Correa, conhecido como “pipoca”, acusado de matar a tiros, Cleisson Pessoa Correia, 33 anos, na tarde do dia 8 de fevereiro deste ano, embaixo da ponte do rio Madeira, na BR-319, em Porto Velho.

Alessandro da Silva Bittencourt, acusado de matar a facadas Francisco Sarmento Soares, 41 anos, na manhã do dia 20 de fevereiro deste ano, após uma briga na Avenida Governador Jorge Teixeira, Bairro Embratel, em Porto Velho.

Postar um comentário

0 Comentários