BNDES E SEDAM VISITAM RESERVAS EXTRATIVISTAS EM ITAPUÃ E COSTA MARQUES


 

O presidente do Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES), Gustavo Montezano, esteve em Rondônia  na terça-feira e quarta-feira, para visitas na Floresta Nacional do Jamari, em Itapuã do Oeste, e na Comunidade Vitória Régia Reserva Extrativista e Comunidade Canindé, ambas em Costa Marques.

O secretário da Secretaria de Desenvolvimento Ambiental do Estado de Rondônia,  Marcílio Leite LopeZ, esteve acompanhando Montezano nas visitas e uma extensa agenda de trabalho 

foi cumprida pelo titular do BNDES.

Inicialmente, o objetivo foi de visitar a Flona Jamari para observar os diferentes aspectos da restauração ambiental e do manejo florestal sustentável com impacto social.

" Em companhia do secretário Marcilio, estivemos visitando uma área de 300 hectares de uma unidade de conservação e que estava sendo replantada,  além de conhecer a operação de manejo sustentavel da Madeflona e o projeto 'Plantar", do Centro Rio terra, para que possamos entender como funciona esses ativos ambientais, seja no reflorestamento, no manejo e no impacto social, especialmente na agricultura familiar", declarou Montezano.

O BNDES, segundo Montezano, tem interesse em futuras parcerias em Rondônia, especialmente de pagamento de serviço ambiental  de manejo florestal, visitação de unidades de conservação e/ou qualquer outra infraestrutura. " O Banco está de portas abertas e querendo  cada vez mais, aproximar essa parceria com o governo do Estado," destacou Montezano.

O secretário Marcilio foi com o presidente do BNDES visitar a Resex Vitória Régia

e ficou satisfeito em conhecer a operação ambiental, realizada entre o investidor internacional, o estado de Rondônia e a comunidade da localidade.

Essa operação é um sucesso de pagamento de serviço prestado e servirá de modelo para outras regiões, asseverou.

 Fábio Wollms, diretor da Permia Brasil, participou da visita da comitiva do BNDES a Rondônia e destacou o pagamento de serviços ambientais, permite que os produtores segurem seus produtos e possam vendê-los quando  tiverem bons preços

A Permia Brasil desenvolve o projeto  do Carbono Florestal na Reserva Cautário e o BNDES tem interesse em investir e ampliá-lo para toda Amazônia.

O agricultor Idalino Alves Nunes preserva a Resex desde 1975 e afirmou que a visita do secretário Marcílio Leite e dos dirigentes do BNDES deve trazer melhorias para os extrativistas da Vitória Régia. 

O secretário Marcílio Leite agradeceu a visita do presidente do BNDES a Rondônia e afirmou que o governador Marcos Rocha está apoiando as ações que  Sedam vem desenvolvendo em prol do meio ambiente, notadamente na preservação e conservação do meio ambiente.

Segundo o secretário  o BNDES vai assinar contrato com o governo de Rondônia para que todos municípios tenham saneamento básico este ano. 

Texto e Fotos: Miro Costa. 349 SRT/RO.





Postar um comentário

0 Comentários