Suspeito de matar comerciante com sete tiros é preso em Porto Velho pela DECCV

 


O foragido da Justiça, Elton da Silva Noé, de 29 anos, foi preso quando estava em um porto na região da ponte sobre o Rio Madeira, em Porto Velho, na tarde de segunda-feira (11). Ele é suspeito de matar a tiros o comerciante Claudevan Oliveira dos Santos, 41 anos, em dezembro do ano passado.

De acordo com as investigações, Elton matou Claudevan com sete tiros. A motivação, segundo a polícia, foi que o comerciante teria descoberto que a mulher o estaria traindo com o suspeito. As apurações também apontam que o suspeito teve apoio durante o crime de um homem identificado como William Gabriel, que foi preso ao ser flagrado em um assalto.

No início da tarde de segunda-feira (11), os policiais civis da Delegacia Especializada em Crimes Contra a Vida (DECCV) cumpriram o mandado de prisão contra Elton.

Em dezembro de 2020, época do crime, o g1 teve acesso ao boletim de ocorrência, onde descrevia que a vítima foi assassinada a tiros em frente ao próprio bar, em Porto Velho. A perícia constatou ao menos sete perfurações no corpo da vítima.

A esposa do homem morto, segundo boletim policial, disse que ele estava em um relacionamento extraconjugal, mas já estava em fase de término. Isso seria motivo de muitos conflitos entre ele e a possível amante. Aos policiais, a esposa da vítima disse ainda que essa amante sempre ameaçava Claudevan.

Postar um comentário

0 Comentários