Vigilante do CPA procura polícia e afirma ter sido ameaçado de morte pelo deputado Geraldo da Rondônia


 

Parlamentar ainda teria tentando atropelar a vítima

Um vigilante do Centro Político Administrativa (CPA), de Porto Velho, procurou a Delegacia da Polícia Civil e registrou uma queixa crime contra o deputado Estadual Geraldo da Rondônia (PSC), afirmando ter sido ameaçado pelo parlamentar por volta das 12h da última quinta-feira, 07.

A reportagem teve acesso ao registro da ocorrência, onde a vítima narra que Geraldo teria tentado entrar no estacionamento da CPA pelo portão de saída e quando o vigilante o informou que ele precisava retornar e entrar pelo portão principal, o deputado se irou de forma surpreendente, o ofendendo com os seguintes dizeres:  “filho da puta”, “safado”, “vagabundo” e “bosta”.

Ainda segundo a vítima, Geraldo fez um gesto como se tivesse tirando um arma do carro para lhe atingir e afirmou que era para ela esperar, pois retornaria para lhe matar.

Todas as ofensas e ameças proferidas pelo deputa ao vigilante foram feitas na presença de outras pessoas e ele ainda teria tentado atropelar a vítima com seu veículo ao sair do estacionamento.

Fonte: Extra de Rondônia



Postar um comentário

0 Comentários